quarta-feira, 10 de julho de 2013

Novidade: “O ARMAZÉM E OUTRAS ESTÓRIAS”, CONTOS ILUSTRADOS PATRÍCIA MADEIRA

SOBRE O LANÇAMENTO

Amor, solidão, sexo, morte, amizade. Eis alguns dos temas revistos por Patrícia Madeira em “O Armazém e Outras Estórias”, um Ebook que contém 18 histórias escritas de uma forma intimista e muito pessoal cujas ilustrações de João Raposo dão a devida cor. Depois de duas obras de ficção, “2001, Instantâneos de Sapo” e “Lau Mim”, Patrícia Madeira regressa ao mundo dos livros com uma obra que promete muitas surpresas em forma de contos ilustrados.

"Lau Mim" (Temas e Debates) e "2001, Instantâneos de Sapo" (Oficina do Livro) tiveram duas edições e venderam cerca de 3000 exemplares cada no mercado português. Ambos tiveram, também, uma aclamada aceitação por parte do público e da imprensa portuguesa. A obra “O Armazém e Outras Estórias” é lançada em Junho nos principais formatos digitais e nas principais plataformas mundiais.

SOBRE A COLECTÂNEA - BREVE SINOPSE

Com temas muitos distintos, que vão do amor, à solidão, à velhice, ao sexo, à morte, à amizade, à unreality TV até ao fantástico, “O Armazém e Outras Estórias” revela-nos a ansiedade e a insegurança que temos connosco próprios, que jamais ousaremos contar a alguém, e a certeza que estamos sozinhos mesmo quando rodeados pelos nossos mais queridos. Em “O Armazém e Outras Estórias” pratica-se um requintado exercício de voyeurismo dos costumes, num desfile de fantasias, anseios, equívocos, manias e pequenos milagres que povoam o quotidiano de personagens maioritariamente anónimas. Num estilo fotográfico e linguagem elegantemente despudorada (já revelados em 2001 Instantâneos de Sapo) dá-se corpo a um universo que pode ser tão hilariante e patético, ou terno e improvável, quanto a vida de cada um de nós. Entre alguns dos contos mais emblemáticos destacam-se “A confidente” – o que poderá levar um indivíduo com fobia social que viaja numa carruagem do metro a sentir-se seguro para partilhar as suas angústias? –; “A porca”, em que um caso de amor alternativo tem um desfecho inesperado; e “Roy Blue está na cidade”, o qual revela o que mais se poderá ter, além de fama, para deixar a nossa marca no mundo.
São 18 estórias escritas numa perspectiva individual e intimista, ilustradas por João Raposo.

Reacções:

0 Rabiscos:

Enviar um comentário