terça-feira, 18 de fevereiro de 2014

[Novidade Casa das Letras] Josefina de Kate Williams

Conheça a arrebatadora história de Josefina, a jovem crioula que se tornou imperatriz de França. O futuro não parecia promissor para a jovem da Martinica que fora abandonada em Paris pelo marido aristocrata. Contudo, sempre engenhosa e determinada a manter-se na sociedade parisiense, procurou refúgio num convento, onde sublimou a voz rouca e a graciosidade sensual que se tornaram os seus poderosos atributos. No período de Terror que se seguiu à Revolução, Josefina sobreviveu ao cativeiro e emergiu como figura central de um universo de festas profundamente mundanas. Inebriante, promíscua e encantadora, dominou os jornais e surpreendeu o mundo ao encorajar os avanços de um soldado corso e marginalizado, seis anos mais novo do que ela. Josefina foi a famosa anfitriã e exímia diplomata, a consorte perfeita para o ambicioso Napoleão que se tornou Imperador Supremo. Contudo, à medida que granjeava fama e poder, Napoleão tornou-se cada vez mais obcecado com a necessidade de um herdeiro e mais irritado com os gastos extravagantes da sua amada. A mulher que encantara França estava desesperada e assoberbada com as exigências da vida pública. Por fim, divorciada aos quarenta e sete anos, viu-se obrigada a assistir nos bastidores ao nascimento do filho de Napoleão com a sua jovem noiva.

Reacções:

0 Rabiscos:

Enviar um comentário