segunda-feira, 14 de julho de 2014

[Novidade Marcador] O Espião que Devia ter Morrido de Kasper e Luigi Carletti

«O Inferno existe e eu estive lá.». É com estas palavras que o Agente Kasper um ex-carabiniereque se tornou agente dos serviços secretos italianos e, depois, do ROS (Raggruppamento Operativo Speciale), o único órgão policial em Itália com competência para investigar o crime organizado e o terrorismo começa a contar a sua história a Luigi Carletti. O que o Agente Kasper descobriu com a sua investigação meticulosa era demasiado importante e demasiado grave: milhões e milhões de dólares em notas de 100, impressas fora do território americano. As super notes. O Espião Que Devia Ter Morrido é narrado com o ritmo e a força de uma fulgurante história de espionagem que tece e revela páginas inéditas da história recente.

Reacções:

0 Rabiscos:

Enviar um comentário