Crítica Literária - Na Cama com um Highlander

"A escritora é conhecida pelos seus livros eróticos, um já foi publicado em Portugal (Obsessão) e o segundo já vem aí (Submissa), mas este livro apresenta uma atmosférica mais romântica, uma escrita leve com cenas engraçadas, divertidas e por vezes até sensuais. "

Crítica Literária - Pecados Escondidos

"Julianne foi uma personagem que me cativou bastante pelo facto de não ser uma rapariga mimada e cabeça de vento (muito costume na época), mas sim uma jovem bastante humilde e que chega a pensar primeiros nos outros e depois nela própria. "

Crítica Literária - O Beijo Encantado

"Para a época em que o livro se passa, os diálogos têm um q.b de texto moderno, mas que torna o livro apetitoso e rápido. "

Crítica Literária - Inocência perdida

Nora Roberts volta a surpreender-me, voltando a enganar-me. Pensei que pela primeira vez tinha descoberto quem era o vilão da história mas nas últimas páginas houve uma reviravolta que me fez ficar de queixo caído, literalmente!

Crítica literária - Rosa Selvagem

"No início do livro, a autora acaba por desenvolver o tema de diferenças de classes mas acaba por ir diminuindo essas referências, o que acabou por haver um ambiente de "mundo cor-de-rosa" em vez de um mundo realista. "

quinta-feira, 30 de março de 2017

Os favoritos do Mês [Fevereiro]


Fevereiro é o mês do amor. Antes era o mês da época de recursos! Em 2017 foi o mês de Microbiologia. E a coisa não correu muito bem (acho eu porque ainda não recebi a nota) mas há sempre recurso e para o ano!

- A música: Alessia Cara - How Far I'll Go
Vi o filme "Moana" e adorei a banda sonora, especialmente esta música. Fiquei super triste quando não ganhou o óscar de "Melhor música original" porque merecia e muito! A mensagem passada pela música é simplesmente fantástica e muito inspiradora! Sem dúvida, mais um belo trabalho da Disney!

- O livro: One Night Stand (One Night Stand #1) de Helen Cooper e J. S. Cooper
O mês de Fevereiro foi mês de leituras leves. Acabei por requerer ao Kobo e deparei-me com esta história. Uma história de dois estranhos que se conhecem num casamento e acabam por passar uma louca noite de amor. Mas quando o dia seguinte chega é hora de dizer adeus... Ou assim pensava Liv quando chega a casa dos pais e vê sentado no sofá o homem com quem ela passou uma noite tórrida e que não consegue esquecer. O problema é que o homem não é nada mais nada menos que... O noivo da sua irmã! E assim começa a trama deste livro. Com cenas muito caricatas e cómicas, foi um bom livro para descontrair de todo o stress do estudo.
- O filme: Rings
Como par romântico que somos, eu e o meu namorado decidimos ir ver um filme de terror no dia dos namorados. Enquanto todos os casais foram ver o famoso Christian Grey, nós fomos ver um tipo de sadomasoquismo diferente. Sem grandes sustos e terror, "Rings" traz mais um pedaço de história de Samara e conta-nos sobre o passado da sua mãe e de onde vem Samara. O que gostei mais no filme foi o facto de deixarmos a era dos VHS e passar-mos finalmente para a nova geração onde tudo é tecnológico e digital, e claro, para quem conhece a história de "The Rings" basta pensar um bocadinho para chegar à conclusão que vai dar asneira.

- O evento/acontecimento: Comprei a cartola!
Em Maio, na Queima das Fitas, vou cartolar. Como mudei de Faculdade, não vou cartolar de roxo (Farmácia) mas sim de azul claro (Ciências e Tecnologia). Sinto-me estranha com a cartola e ainda por cima ela é um bocado justa mas a senhora da Toga diz que ela alarga nas primeiras bengaladas. Esperemos que sim! O mais giro é que o meu namorado também vai cartolar agora, ou seja, podemos dar porrada um num outro! Acho que nunca estive tão ansiosa para um Queima, quero tanto dar bengaladas e tentar que não me partem a cabeça! 

Rubrica - Os favoritos de mês [Janeiro]


Depois da época festiva e de comer muito, ou seja, ter engordado uns três quilos no mínimo, foi tempo de voltar aos aulas. Este Janeiro foi diferente dos anos passados porque finalmente não houve época de exames!

- A música: ZAYN, Taylor Swift - I Don’t Wanna Live Forever
2017 era significado de mais um novo filme "Cinquenta Sombras". Eu li a trilogia, fui ver o primeiro filme ao cinema e continuo sem perceber todo o fenómeno à volta desta história mas gostos não são para discutidos! Apesar de não ser apreciadora dos filmes, adorei a banda sonora, tanto no primeiro filme como agora da sequela. O filme pode ter muito defeitos mas a banda sonora não é um deles!


- O livro: Eternidade de Alyson Noël
As leituras voltaram a ficar escassas. Com o mestrado às costas, a leitura passa para segundo lugar. Sempre que posso ainda leio um capítulo ou dois mas muitas vezes o cansaço é tanto que só apetece estar deitada sem fazer nada. Mas o livro do mês foi já um leitura repetida. Comecei a ler a saga "The Immortals" em 2010 quando o primeiro livro foi editado em Portugal. Fui comprando a saga aos poucos até estar terminada mas acabei por comprar os livros e não li o restante da história, restando os dois últimos livros da saga para serem devorados. Passado quase dois anos de ter deixado estes livros de lado, resolvi que ia começar de novo e ler a história.

- O filme: Resident Evil: O último capítulo
Janeiro foi mês para ir ver três filmes ao cinema. Como já é tradição, eu e o meu namorado fomos ver um filme no primeiro dia do ano. Acabou por ser escolhido o "Passageiros" que me desiludiu um bocado porque estava à espera de mais, mas ainda vi o rabinho ao léu do Chris Pratt, só aí já valeu a pena. Passado uma semana fomos ver o "Assassin's Creed". Nunca joguei nenhum dos jogos mas conheço muito bem a história porque o meu namorado, viciado em gaming, já jogou vários "Assassin's Creed" e ia sempre contando a história de cada jogo e cheguei a vê-lo jogar. Os jogos apresentaram histórias fantásticas mas o filme foi por cano abaixo. Tive que fazer um esforço para não adormecer no cinema, sendo que só aproveitei as cenas que se passavam no passado, mas que por sua vez eram bastante poucas. Para acabar o mês, juntamos um grupo de seis pessoas e fomos ver "Resident Evil", o filme que dava por encerrado esta saga. Os filmes anteriores vi-os todos em casa porque o meu namorado me "abrigou" porque zombies não era bem a minha cena, pensava eu, mas acabei por gostar dos filmes. Muita reviravolta que esta saga deu mas foram 15 anos desta história e os fãs queriam saber como acabava. Para quem não viu, este último capítulo termina como sempre foi: zombies e mais zombies, muito ação e muitos clones! 

- O evento/acontecimento do mês: Rodízio de Pizza
Chegou o início do ano, o que indica que é tempo de pizza! Todos os anos por volta de Janeiro/Fevereiro juntamos um grupo e vamos todos enfardar pizza para o resto do ano! Foi mais uma noite bem passada que foi terminada em casa de uma amiga a jogarmos "Os Lobisomens d'Aldeia Velha".